fbpx

Morangos rede de educação

Projeto
educativo

Enquadramento

A Morangos – Serviços de Educação assume claramente um ecletismo nos modelos ou abordagens pedagógicas usadas. Não adotamos um único modelo, metodologia, e ou abordagem pedagógica. Fazemos isso porque consideramos que os modelos e abordagens devem servir de maneira flexível como instrumentos para atingir o objetivo da educação. Nenhum deles possui todas as caraterísticas que atendam à enorme diversidade das crianças. Quando a abordagem dos educadores está capturada por um único modelo ou abordagem, limita-se a essa forma de ver o Mundo em vez de considerar a pluralidade de contributos que podem ajudar a exponenciar o desenvolvimento do potencial das crianças. Assim, dado que existe uma panóplia alargada de modelos, é nosso entender que o estabelecimento de ensino e o(a) educador(a) deverão adotar o(s) modelo(s) pedagógico(s) mais adequado(s) ao grupo de crianças em causa, às atividades que pretendem promover e aos contextos em que as mesmas se desenvolvem.

 

Nessa perspetiva, apresentamos seguidamente algumas das conceções teóricas que inspiram as práticas nas nossas escolas: Modelo High Scope; Método Montessori; Educação experiencial; Metodologia de trabalho de projeto; Modelo pedagógico do movimento da escola moderna. A primeira definição de ecletismo apresentada pelo Dicionário Priberam é a seguinte: “Escolha, entre vários sistemas, daquilo que, em cada um, parece ser mais conforme com a razão”. Esta definição descreve perfeitamente o posicionamento inovador e flexível da Morangos no que concerne às abordagens pedagógicas adotadas no trabalho com os alunos. Esta pluralidade no processo de aprendizagem-ensino contribui também para exponenciar o espírito crítico dos alunos através da sua imersão precoce numa cultura caraterizada pela pluralidade de olhares e de modos de resolver os problemas.

Pilares

Os pilares da Morangos que estruturam a ação pedagógica tendo em vista uma educação moderna, dinâmica, inovadora e multidisciplinar, assentam na metodologia STEAM – Ciência, Tecnologia, Engenharia, Artes e Matemática. A implementação desta metodologia tem o propósito de estimular e potenciar a aprendizagem, procurando formar as crianças em várias áreas do conhecimento, além de desenvolver valores fundamentais que, juntamente com os conteúdos apresentados, irão preparar os nossos alunos para o exercício da cidadania. Assim, os pilares da Morangos – Serviços de Educação são: criatividade, ciência e tecnologia, estilos de vida saudáveis e educação para a cidadania

Educar para o futuro

Na nossa ótica, uma escola que pensa no futuro e o vê como uma dimensão importante na sua prática pedagógica deve:

  • Promover uma educação comunitária, colaborativa, dinâmica e aberta à dimensão social nos contextos nacional, europeu e mundial;
  • Valorizar as emoções e a socialização;
  • Promover o reconhecimento, confiança e compromisso entre todos os parceiros;
  • Constituir-se num espaço e tempo desafiantes;
  • Desenvolver mais a autonomia da criança;
  • Proporcionar experiências diversificadas que promovam ecletismo nos modos como as crianças olham para o Mundo e interagem.

Relativamente ao quotidiano educativo, cada educador executa uma determinada ação pedagógica para cada situação:

Ambientes culturalmente ricos e estimulantes → Criar condições propiciadoras do desenvolvimento das soft skills.

Diferentes experiências e oportunidades de aprendizagem → Respeitar a individualidade de cada criança através da oferta de oportunidades diversificadas de aprendizagem.

Recurso a materiais audiovisuais e digitais → Proporcionar liberdade de escolha e de ação na fruição e uso de materiais audiovisuais e digitais que permitam desenvolver espírito crítico.

Envolvimento e participação das famílias no processo educativo → Promover a participação da família nas atividades e prioridades pedagógicas. 

Contacto com as tecnologias de informação e comunicação no quotidiano pedagógico → Desenvolver atividades com recurso a ferramentas tecnológicas e adequação das mesmas na vida social.

Meta-aprendizagem/metacognição → Estimular uma aprendizagem pela descoberta na qual o aluno constrói o seu próprio conhecimento.

Aprendizagem colaborativa → Incentivar a interação, colaboração e participação ativa dos alunos.

Morangos e Famílias

A Morangos considera que Escola, Família e Comunidade constituem o eixo estruturante e fundamental da vida das crianças. A comunicação entre a escola e a família é um fator essencial no processo educativo da criança, sendo os pais os primeiros educadores responsáveis e os(as) educadores(as) de infância parceiros(as) insubstituíveis nessa função.

Quando esta comunicação é eficaz, os pais tendem a confiar e a cooperar com a escola, a melhorar as interações com toda a comunidade educativa e a acompanhar mais sistematicamente os progressos da criança.

Perfil do Educador

De acordo com o modelo pedagógico eclético adotado pela Morangos, o futuro da ação educativa no contexto da creche e ou jardim-de-infância passa a não estar centrado no adulto, mas na relação que este estabelece com a criança. Esta conexão poderá deixar marcas para toda a vida, bem como, a atitude do(a) educador(a) influenciará o modo como a criança aprende a interagir com o meio. Desta forma, a Morangos – Serviços de Educação pretende traçar o caminho para uma restruturação e valorização da primeira infância, e consequente importância desta no progresso das crianças, despertando talentos, autonomia, criatividade e responsabilidade.

A melhor educação possível, será aquela que permite à criança desenvolver a criatividade, a autonomia, o talento e a responsabilidade. Todas as capacidades que vão evoluindo devem ser perduráveis no tempo, e isto só se torna exequível criando a possibilidade de as crianças vivenciarem, de forma plena, diferentes momentos e oportunidades.

A criança é um ser competente desde o nascimento → O Educador(a) respeita o tempo de desenvolvimento e aprendizagem de cada criança.

A criança é autora do seu processo educativo → O Educador(a) valoriza a criança e envolve-a no processo educativo.

A criança tem potencial, talento, gostos e interesses próprios → Observa cada criança inserida no seu grupo, faz propostas que vão ao encontro das suas características e procura desenvolvê-las.

A criança aprende experimentando e investigando. → O Educador(a) proporciona contextos de aprendizagem significativos e instigantes.

A criança tem voz ativa e participa no quotidiano educativo → O Educador(a) promove situações de escolha e de tomada de decisões.

A criança aprende a aprender → O Educador(a) incentiva a reflexão e a avaliação.

contactos

Morangos é um sistema integrado de educação com as valências Creche, Jardim de Infância e Academia, e de diversão com o Funpark. Queremos ser líderes de mercado neste setor. Estamos em fase de crescimento integrando a gestão de mais unidades.

Marque uma reunião pessoal connosco bastando para isso preencher o formulário

ou enviar email para paulo.santos@morangos.com.

Efetue um pedido de contacto